JOVEM TRABALHADORA É ASSASSINADA NA ILHA DA GIGOIA APÓS ASSÉDIO SEXUAL

Ela estava trabalhando quando o assassino a atacou/Foto reprodução do Facebook
Ela estava trabalhando quando o assassino a atacou/Foto reprodução do Facebook

“Assassino. Esse monstro matou essa jovem em sou local de trabalho, por ela não dar confiança para ele. Ele tentou estrupa-la antes de matar”, postou um morador da Ilha da Gigoia, lugar pacato que agora está consternada e com medo da violência.

Uma mulher foi morta a facadas na noite de sexta-feira (21), na Ilha da Gigóia, Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Segundo policiais militares do 31º BPM (Recreio dos Bandeirantes), que foram acionados para a ocorrência por volta das 20h40, Quissila Tavares Pires foi atacada por um homem dentro de um mercadinho.

Após matar a jovem, o suspeito conseguiu fugir. O caso está sendo investigado pela Divisão de Homicídios (DH) da Polícia Civil. Durante a madrugada, amigos de Quissila deixaram mensagens na página da jovem em uma rede social, lamentando o crime e confortando a família da mulher.

“Meu Deus, que triste. Descanse em paz …”, postou uma amiga.

“Palita, que Deus receba sua alma e conforte o coração de sua família. Que o monstro que fez isso com vc pague e que a justiça seja feita”, escreveu outra.

Leia também

ASSASSINO DE QUÍSSILA QUE TINHA PAIXÃO DOENTIA PELA VÍTIMA SE ENTREGA À POLÍCIA

 

TAMBÉM SAIU NO EXTRA: POLÍCIA PRENDE HOMEM ACUSADO DE MATAR MULHER A FACADAS NA ILHA DA GIGOIA

 

Mais RJ com informações do G1

Fotos: Facebook


Comente essa Notcia




Shopping MaisRO